quinta-feira, 30 de abril de 2015

ATO SOLENE DA COMEMORAÇÃO DO "DIA DA FREGUESIA", EM LANHESES (Viana do Castelo)

          

  Da esquerda: Filipe Rocha, Agostinho Gomes, Víctor Lemos e Alberto Amorim

                               

                     Para assinalar o "DIA DA FREGUESIA" que celebra a data da assinatura do foral da Rainha D. Maria I, em 29 de Abril de 1793, que elevou Lanheses a Vila concelhia, a Junta de Freguesia promoveu um conjunto de ações com vista ao envolvimento da população na solidificação da tradição iniciada em 2011 e à interiorização do simbolismo do relevante ato para a História desta localidade.

                    As formalidades previstas tiveram início na Igreja paroquial ao cair da tarde de ontem, onde foi colocada uma coroa de flores no túmulo brasonado dos Ricaldes existente na Capela Mor, a favor de quem o foral foi concedido, pelo atual representante da família dos Condes d'Almada, D. Lourenço d'Almada, no qual foi acompanhado pelo presidente da Junta de Freguesia, Filipe Rocha.


                              A sessão solene decorreu como estava previsto na sala de leitura e exposição fotográfica da sede da Junta, com a presença dos convidados Víctor Lemos, vice presidente da Câmara Municipal concelhia e do diretor do Agrupamento de Escolas de Arga e Lima, Manuel Agostinho Sousa Gomes, bem como de Filipe Rocha, presidente do executivo e a presença na mesa do presidente da assembleia geral. Antes das intervenções de fundo, houve lugar à declamação de duas poesias por alunas do ensino secundário local, Manuela, em "Regresso ao Lar", de Guerra Junqueiro e, "Balada da Neve", de Augusto Gil, respetivamente, numa evocação sentimental do tempo da escola primária que ali funcionou e onde então se liam poemas de poetas portugueses. As duas meninas ocupavam na sala um carteira comum nas escolas primárias da época do Estado Novo.




                    O presidente da Junta, Filipe Rocha

                  O presidente Filipe Rocha, que é simultaneamente professor de Biologia na Escola Secundária Local, usou depois a palavra para fazer a apresentação formal do evento, explorando o tema "O Ensino em Lanheses, democratização, cidadania  e liberdade", onde abordou com o à vontade de quem domina a área e conhece profundamente o desenvolvimento estrutural do ensino em Lanheses ao longo do tempo e a importância que representa para o progresso social e económico dos lanhesenses a qualidade da cultura e o ensino na formação dos cidadãos; firmou a sua convicção num futuro de qualidade onde todos devem participar, pois que, afirmou "muitas vezes é preciso uma aldeia para educar uma criança", Eu, diria mesmo, um país...


                      Diretor do Agrupamento Escolar d'Arga e Lima, Agostinho Gomes.

                    O diretor do Executivo do Agrupamento Escolar de Arga e Lima, também obviamente educador e professor, focou a sua intervenção na agrupamento que dirige há um quarto de século, historiando a "epopeia" que foi o arranque da Escola Secundária erguida na antiga Quinta da Barrosa, o seu gradual e linear crescimento, a gestão empenhada e a dedicação à Escola, os problemas de gestão surgidos com os agrupamentos, a atenção que vota à vida da população escolar e aos problemas que eles enfrentam no seio das famílias onde se integram e  a diversidade étnica que geriu sem quaisquer conflitos, o crescimento das instalações, as suas preocupações que são as do próprio país quanto ao decréscimo da população escolar (de mais de 1200 alunos que já frequentaram a escola são agora aproximadamente metade!), a qualidade dos professores que estão ou passaram pela Escola e os elogios que lhe fazem as entidades oficiais e outras individualidades que a visitam e se comprazem com o seu aspeto limpo e "saudável" como se tivesse edificada não há 25 anos mas há um ou dois. Não deixou, também, de realçar a contribuição e disponibilidade da Câmara concelhia para a resolução de muitos e complicados problemas com que se deparou no decorrer destes largos anos de funcionamento. A concluir, e depois de referir a ação que desenvolveu enquanto professor, etnógrafo, historiador e escritor, Agostinho Gomes leu versos do professor Gabriel Gonçalves escritos na derradeira visita que fez à Escola, inéditos para a maioria dos presentes.


                       O vice presidente da Câmara, Victor Lemos

                    Por último, numa breve intervenção, o representante da Câmara Municipal, Victor Lemos, que vem acompanhado de perto e interveio em resoluções que visavam satisfazer necessidades prementes da Escola ao longo do seu tempo de existência, não pretendendo alargar-se em considerações sobre o atual estado do ensino no pais nem apontar responsáveis,  reiterou a sua homenagem ao diretor pelo trabalho que vem desenvolvendo e afirmou a mesma disponibilidade de sempre da Câmara para ajudar aos interesses da Escola e das populações que serve.

                                         Manuela


                                            Elvira



                   Com a sessão a findar, fui instado a usar da palavra a convite do meu antigo e último diretor na carreira, Agostinho Gomes, com quem colaborei nos primeiros anos de funcionamento da Escola Secundária na qualidade de seu chefe de serviços administrativos. Surpreendido e, por isso, sem preparação prévia, não alonguei as minhas palavras muito além do realce da consideração e admiração que tenho  pelo valor do trabalho que o professor Agostinho tem vindo a desenvolver desde que assumiu o difícil cargo e, que muitos outros com mais competência e propriedade lhe reconhecem e amiúde pessoalmente lho manifestam, aproveitando, porém, a oportunidade para manifestar a importância para o meio local que a Escola representa e o orgulho que sinto quando por muitas vezes me falam com admiração do excelente funcionamento escolar da Escola de Lanheses.


 D. Lourenço d'Almada, à conversa na confraternização


           No final da sessão foram os presentes, que compareceram em número que não desiludiu os promotores, convidados para um convívio boufet informal que decorreu no átrio coberto da antiga escola primária, hoje sede da Junta.

                      No Auditório Gabriel Gonçalves



                    Segui-se, no auditório Gabriel Gonçalves, do Centro Dramático de Viana,  um peça de teatro escrita e interpretada por Ricardo Simões, baseada no livro "Capitão de Abril - História da Guerra do Ultramar e do 25 de Abril", que mereceu no final fartos aplausos do público presente.


Fotos: doLethes
Remígio Costa.

ADEMAR PEREIRA ACELERA PARA O CAMPEONATO NACIONAL DE RALICROSS.


 



 ADEMAR PEREIRA A POSTOS PARA O RALLICROSS DE MAÇÃO


O Campeonato Nacional de Rallicross regressa às pistas já neste fim de semana. A pista da Boavista, em Mação, será o palco para a segunda jornada da temporada na qual irá marcar presença o piloto de Viana do Castelo ADEMAR PEREIRA.
Para esta segunda ronda do campeonato, a grande novidade será mesmo a estreia do novo carro da equipa, um Renault Megane Coupe, com o qual Ademar Pereira espera disputar toda a restante temporada, mantendo-se inserido na categoria "Super Nacional".
Depois de adiada a estreia na primeira prova do ano devido a um imprevisto mecânico, o novo carro está finalmente pronto para enfrentar as corridas e o piloto da Recirosa Competições mostra-se confiante: "Será a estreia absoluta do carro e só por esse factor devemos encarar a prova com cautelas. No entanto conseguimos já realizar um pequeno teste que, embora  não tenha sido totalmente conclusivo devido às péssimas condições climatéricas, permitiu-me perceber que este novo carro é um bom passo evolutivo face ao anterior Renault Clio, tendo a adaptação sido imediata."
Sobre a presença em Mação, Ademar Pereira afirma querer manter a regularidade e amealhar pontos para o campeonato. Partindo como líder da competição, o piloto natural de Lanheses realça que "em Mação vamos tentar dar continuidade ao bom desempenho que conseguimos na prova anterior.
Sabemos que os nossos adversários são muito fortes e temos consciência que não serão corridas fáceis, mas nem por isso vou deixar de dar o meu melhor, tentando proporcionar ao Renault Megane uma estreia em bom nível.
O campeonato é longo e ainda está no seu início, mas é importante amealhar o máximo de quilómetros com a máquina e terminar cada corrida da melhor forma possível para ir somando pontos na classificação final."

O Rallicross de Mação tem o seu início previsto paras as 14:45h de AMANHÃ,  sábado, com a realização dos treinos e primeira corrida de qualificação, estando agendadas para domingo as restantes mangas de qualificação seguido das finais.
Antes mesmo da prova, na noite de 30 de Abril o novo Renault Megane com as cores da Recirosa Competições vai poder ser visto em exposição na Praça Parada Leitão, em plena baixa do Porto, num evento organizado pela Completa Mente,  Comunicação e Eventos, Lda, que este ano é a empresa promotora do Campeonato Nacional de Rallicross.

(Texto e fotos de gentileza)


terça-feira, 28 de abril de 2015

TEATRO NO "DIA DA FREGUESIA DE LANHESES"



                  É já amanhã, quarta-feira, dia 29 de Abril que decorrerá na sede da Junta de Freguesia de Lanheses (Viana do Castelo) uma sessão comemorativa do "DIA DA FREGUESIA DE LANHESES", estando prevista uma sessão solene que decorrerá na sala da biblioteca e uma peça de teatro no Auditório Gabriel Gonçalves, compondo o programa outros atos previstos no convite atrás publicado. 

CORVO MARINHO





Em 23 de Janeiro último divulguei neste blogue sob o título "Pato Manso", imagens de uma espécie avícola colhidas no rio Lima que, leigo como sou na matéria, me apressei a identificar erradamente como sendo um pato manso, ave bastante comum em terrenos alagadiços e arborizados como os que existem na margem do rio, tal me pareceu a semelhança com os patos de criação caseira que muitas famílias ainda usam reproduzir por conta própria.


Há dias, um seguidor do doLethes com quem não mantenho relações próximas mas conheço há já algum tempo e com quem me cruzo frequentemente  nos espaços da ESTG do IPVC, veio ao meu encontro para me informar que a ave que eu identifiquei como sendo um pato era, isso sim, um CORVO MARINHO, aconselhando-me a fazer uma busca no Google para confirmar a classificação adequada à espécie aqui exibida. De facto, os elementos que observei confirmam que se trata de um corvo-marinho-de-faces-brancas, se as semelhanças do exemplar aqui fotografado corresponderem, efetivamente, àquela classificação. Se assim for, trata-se de uma espécie muito utilizada na pesca na Ásia Oriental usando os pescadores colocar-lhes um arco em volta do pescoço para impedir a ingestão das presas que capturam nos mergulhos que os donos lhe ensinaram a fazer. A sua dieta é feita à base de peixe que consomem numa quantidade diária estimada  de 750 gramas. Não são muito abundantes neste habitat.


Fotos: doLethes
Remígio Costa



segunda-feira, 27 de abril de 2015

TERTÚLIA "ATLETISMO 20 ANOS DEPOIS"| 30 de abril 2015 | 21h30 | Biblioteca Municipal de Viana do Castelo


                            COM: MANUELA MACHADO


VITORINO SALOMÉ, CONCERTO EM VIANA DO CASTELO.


Concerto VITORINO SALOMÉ , a voz maior do cante alentejano.

1 de maio 2015 |TEATRO MUNICIPAL SÁ DE MIRANDA
Hora: 21H30
Ingresso: 10€
Bilheteira TMSM: 258 809 382







CURSO HERBALISMO MEDICINAL em Viana do Castelo



Botânica 
Medicinas Tradicionais
Flora Portuguesa e  Fitoterapia

Mais info: 


 (Recomendado)

O FUTEBOL DA NOSSA TERRA




AF Viana do Castelo
Primeira Divisão
2015.04.26

             FC NEVES, 3 - UD LANHESES, 0

                      Lanhesenses dão-se mal nas neves.

 RESULTADOS DA JORNADA E CLASSIFICAÇÃO GERAL



JORNADA 272015-04-26
Monção 1-1 Vila Fria
GD Moreira do Lima 2-2 Perre
Neves FC 3-0 UD Lanheses
Castelense 4-1 ARC Paçô
SC Courense 2-0 Valenciano
Atl. Arcos 2-1 ADC Correlhã
AD Campos 2-0 Ponte da Barca
Melgacense 1-0 Vitorino de Piães



PJVEDGMGSDG
1Neves FC642720436624+42
2Atl. Arcos642719716122+39
3Ponte da Barca532716565125+26
4Valenciano492714764231+11
5ADC Correlhã442712874733+14
6Vitorino de Piães4427142115047+3
7SC Courense432712784334+9
8Monção3927116103935+4
9Subiu 2 posições GD Moreira do Lima302793154154-13
10Subiu 3 posições Castelense302786133334-1
11Desceu 1 posições ARC Paçô302793154158-17
12Desceu 3 posições UD Lanheses302786133039-9
13Desceu 1 posições Vila Fria292785143150-19
14Subiu 1 posições AD Campos192747162647-21
15Subiu 1 posições Melgacense192754182657-31
16Desceu 2 posições Perre182746172461-37