quinta-feira, 31 de outubro de 2013

FALECIMENTO.

          

       BALTAZAR DOS SANTOS FERNANDES, solteiro, de 77 anos de idade, com domicílio no Lugar da Igreja, desta freguesia faleceu, ontem quinta-feira, dai 31 de Outubro por motivo de doença.

        O seu funeral realiza-se hoje, sexta-feira 1 de Novembro, pelas 15 horas, saindo o corpo em cortejo fúnebre da Capela Mortuária de Nossa Senhora da Esperança para a Igreja Paroquial onde decorrerá uma missa de corpo presente finda a qual irá a sepultar no cemitério desta freguesia.

        Aos familiares do extinto apresento as minhas condolências.



terça-feira, 29 de outubro de 2013

TANGA NA POLÍTICA


                  Na última semana, o ex-primeiro ministro José Sócrates e nóvel licenciado na Sorbone, despoletou para a imprensa uma bojarda das antigas, propalando que o actual chefe do (des)governo, Passos Coelho, terá mostrado vontade em integrar uma parceria entre ambos para chefiar uma coligação de governo. Coelho não confirmou, antes, contradisse (ele raramente confirma que disse o que disse), que nunca houve intimidade suficiente entre eles a ponto de terem pensado em  formar uma parelha com o intuito de dançarem a mesma dança, o mais próximo possível um do outro.

                O doLethes acaba de receber a confirmação de que PPC desdiz o que disse e, na verdade, fez o que afirma não ter feito. Reparem como eles se entendem:" virtudes públicas, vícios privados "...




segunda-feira, 28 de outubro de 2013

MESTRE JOSÉ LUÍS CARVALHIDO DA PONTE, APOSENTADO, EM "MAIS UMA AULA" NA ESCOLA SECUNDÁRIA DE MONSERRATE.


O Mestre José Luís Carvalhido da Ponte exerceu durante alguns anos funções docentes e de direcção na Escola Secundária de Monserrate, em Viana do Castelo, estando há cerca de um ano na situação de aposentado.

Antigos colegas seus que formam o Grupo de Português daquela Escola a que o Professor José Luís pertenceu, para homenagear a acção por ele desenvolvida enquanto seu ilustre professor e prestigiado director, convidou-o para dar uma última aula no Auditório Carolino Ramos, situado no acima mencionado estabelecimento de ensino.

Quem tenha privado com o conceituado docente quer como colega docente ou aluno, ou dele apenas tenha ouvido falar e o deseje conhecer, tem agora esta última oportunidade para ter o privilégio de assistir à última aula do Mestre José Luís Carvalhido da Ponte.

O FUTEBOL DA NOSSA TERRA.




AF Viana do Castelo
1ª Divisão
2013.10.27
                                                     Vila Fria, 2 - UD LANHESES, 1
JORNADA 62013-10-27
Cerveira 0-0 SC CourenseSugerir Video
Monção 3-0 GD Moreira do LimaSugerir Video
Vila Fria 2-1 UD LanhesesSugerir Video
Darquense 1-2 Atl. ArcosSugerir Video
Neves FC 2-0 Ponte da BarcaSugerir Video
Bertiandos 1-4 CastelenseSugerir Video
Melgacense 2-2 ADC CorrelhãSugerir Video
Vitorino de Piães 1-2 AD CamposSugerir Video
JORNADA 72013-11-03
Cerveira 03/11  15:00 Monção
 
GD Moreira do Lima 03/11  15:00 Vila Fria
 
UD Lanheses 03/11  15:00 Darquense
 
Atl. Arcos 03/11  15:00 Neves FC
 
Ponte da Barca 03/11  15:00 Bertiandos
 
Castelense 03/11  15:00 Melgacense
 
ADC Correlhã 03/11  15:00 Vitorino de Piães
 
SC Courense 03/11  15:00 AD Campos
 



PJVEDGMGSDG
1Subiu 1 posições Castelense166510146+8

2Subiu 1 posições Atl. Arcos156501133+10
3Desceu 2 posições ADC Correlhã146420174+13
4Subiu 2 posições Cerveira11532072+5
5Subiu 5 posições AD Campos106312660
6Desceu 1 posições Ponte da Barca10531185+3
7Desceu 3 posições Vitorino de Piães106312127+5
8Subiu 3 posições Neves FC9623174+3
9Desceu 2 posições SC Courense9623197+2
10Desceu 2 posições Melgacense862221011-1
11Desceu 2 posições UD Lanheses76213108+2
12Vila Fria66204410-6
13Subiu 3 posições Monção36105612-6
14Desceu 1 posições Bertiandos36105517-12
15Desceu 1 posições GD Moreira do Lima16015321-18
16Desceu 1 posições Darquense06006412-8

TOQUE DE FINADOS.

  
  
 O sino da Igreja Paroquial tocou esta manhã a finados indicando o falecimento de uma pessoa do sexo feminino. Trata-se, segundo apurei, de uma senhora que tinha casa no Lugar do Romão mas a residir em Viseu há já alguns anos. Não pude obter  a sua identidade, mas trata-se de uma senhora conhecida para Maria São Lourença. O funeral não ocorrerá nesta freguesia.

         

sábado, 26 de outubro de 2013

FEIRA DE ARTESANATO


PÉTALAS DE TINTA,

VOLTA A PARTICIPAR, DOMINGO, dia 27 de Outubro NO LARGO RODRIGUES SAMPAIO em ESPOSENDE NUMA EXPOSIÇÃO DE ARTESANATO. Não deixem de aparecer. 
www.facebook.com/events/553978584651217

Para qualquer duvida, ou encomendas personalizadas, usar o telm. 965491688


MIÚDOS E GRAÚDOS FAZEM CRESCER FEIRA QUINZENAL DE LANHESES.

     
          MARIA já pode povoar a capoeira com aves "pé descalço" do campo.

   As pessoas começam finalmente a valorizar as coisas que são importantes para fazer frente às dificuldades com que actualmente se debatem face à calamitosa situação financeira em que o país está envolvido e da qual já não sairá sem o sacrificado empenho do povo trabalhador. Desvalorizadas pelo efeito nocivo do eldorado dos subsídios à lavoura  que retirou dos hábitos ancestrais muitos dos cultivadores da terra, as feiras perderam grande parte da sua grandeza e utilidade reduzindo a sua contribuição para a economia das localidades em que se desenvolviam.

Feira para famílias jovens ou tradicionais
         
        A feira quinzenal de Lanheses resiste há mais de dois séculos às variações da sorte e à incapacidade de impor a sua relevância multifacetada aos objectivos primordiais dos órgãos que a vêm tutelando.
 
        Para me inteirar da forma como estava a decorrer a "feirinha dos estudantes" desloquei-me até ao local onde ela estava a decorrer no recinto da entrada das instalações da Escola. Na Avenida 25 de Abril onde e situam aquelas instalações decorria a feira quinzenal de Lanheses, para onde foi definitivamente provisoriamente deslocada do Largo da Feira (Largo Capitão Gaspar de Castro), aquando das obras de requalificação ali levadas a efeito. Fiquei muito surpreso mas satisfeito por constatar haver ali mais gente do que é habitual de há tempos a esta parte e, o facto não terá sido apenas porque os pais e encarregados de educação dos alunos quisessem acompanhar os seus educandos no evento que promoviam, pois as tendas e bancas da feira tradicional montadas nas vias que servem o local estavam muito bem frequentadas de pessoas. Nos acessos vizinhas da feira, as viaturas estacionadas eram em grande número o que poderá significar que muitos que ali se encontravam não residem em Lanheses.

No recreio da Escola Secundária decorreu a "feirinha dos estudantes. Muito visitada.

        Apesar de todas as vicissitudes por que tem passado a feira quinzenal dos sábados em Lanheses continua viva dando sinais encorajadores de rejuvenescimento que são esperança para quem lhe deseja uma vida longa e melhor.

 Cruzamento da Rua Condes de Almada com a Alameda 25 de Abril.

 Rua da Estrada da Igreja, nas imediações da feira.

Rua Condes de Almada, junto à Casa do Povo.

PS. Por falhas verificadas na rede internet, que me forçou a recompor por duas vezes o texto que estava a escrever este post não saiu, como pretendia, ainda da parte da manhã de hoje. Julgo que apesar do atraso não terá perdido a actualidade e o interesse que justificam a divulgação agora.

Ó TEMPO VOLTA P'RA TRÁS.



Na madrugada de domingo deve atrasar o relógio 60 minutos às 2h00 (Continente e Madeira) e 1h00 (Açores), para entrar em vigor o horário de Inverno.     

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

ESTUDANTES DO AGRUPAMENTO ESCOLAR DE LANHESES PROMOVEM "FEIRINHA"

        


                 
                       Estudantes que frequentam o Agrupamento Escolar de Lanheses, com a colaboração da Associação de Pais e Encarregados de Educação das escolas agregadas, vão realizar no próximo sábado, dia 26 de Outubro corrente, nas imediações da entrada principal daquelas instalações, uma "feirinha" onde serão postos à venda os mais variados produtos da lavoura e avicultura doméstica, principalmente fruta, produtos do fumeiro, mel, vinho engarrafado, bolos caseiros, boroa de milho de fabrico artesanal à moda antiga em forno de lenha, frangos caseiros, coelhos, plantas e outros artigos de consumo corrente das famílias, a preços muito sensíveis às bolsas castigadas da crise.

                      A iniciativa cumpre objectivos compatíveis com a aprendizagem de vida prática dos estudantes e visa reunir pequenas quantias que serão aplicadas em benefício das crianças no âmbito das acções escolares que se desenvolvem ao longo de ano, favorecendo aquelas que não dispõem de recursos suficientes para nelas participarem.

                     Tencione, ou não, ir no próximo sábado à feira quinzenal da freguesia, não deixe de visitar a "feirinha dos estudantes" e se tem espírito colaborante ou necessita simplesmente abastecer-se de produtos que consome normalmente, adquiria um qualquer dos artigos à venda e enterneça-se ao ver o rosto feliz de quem lho vendeu.

        

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

MIGUEL TORGA e a HISTÓRIA.

"Eu Acredito na História"

 "Eu acredito na História. Por isso, espero que ela escarre um dia sobre esta época, agoniada de nojo. Será tarde, evidentemente, para que os tartufos de agora sintam o cilindro da justiça a brunir-lhes a grandeza, e para que os humilhados tenham ainda em vida a desforra que merecem. Mas o homem dura pouco demais para poder assistir ao espectáculo inteiro da comédia de que também é comparsa. Tem de nomear representantes até para comerem os frutos das próprias árvores que planta. De maneira que eu delego na História um vómito azedo sobre isto.

Miguel Torga, in "Diário (1948)"

PARA QUE SERVEM AS MÃOS.


(Cópia de e-mail)



"Monólogo das Mãos -  Giuseppe Artidoro Ghiaroni

Declamado por Bibi Ferreira 






segunda-feira, 21 de outubro de 2013

O ÁGUA-ARRIBA E A SUA MANUTENÇÃO.



Toda gente aplaude, gosta da festa, elogia. Mas, quando a euforia  acaba e cada um vai à sua vida, há outros que continuam persistentemente a zelar pelos bens que criaram e a assegurar a sua manutenção e funcionalidade, a bem da comunidade.

É o caso da réplica do barco água-arriba "LANHEZES", cuja manutenção e cuidados que requer constituem uma preocupação quase diária, constituindo uma tarefa  absorvente de que voluntariamente se vem encarregando o seu construtor Caninhas.

Com efeito, a embarcação fundeada junto à margem do Lima no sítio da Passagem, requer uma atenção muito assídua, diária se possível, para vigiar a manutenção da estabilidade de condições de navegação e os inevitáveis actos de vandalismo. É indispensável manter a impermeabilidade do casco, havendo que calafetar fendas de dilatação da madeira e proceder à restauração da pintura que facilmente se deteriora. Nesta fase de muita chuva, é forçoso esvaziar a água que se deposita no fundo da embarcação para evitar que ela submirja.

A foto acima divulgada mostra uma fase dos trabalhos de manutenção do água-arriba perto da ponte de Lanheses, de que se encarrega o Manuel João Castro Franco da Rocha, mais conhecido por Caninhas.

(Foto de cortesia de DP)







ASSALTADAS LOJAS DE COMÉRCIO NO CENTRO CÍVICO.

             

 Largo Capitão Gaspar de Castro, lado nascente, onde se situam dois dos estabelecimentos assaltados.


            Vários estabelecimentos do Largo Capitão Gaspar de Castro e da Rua de Santa Eulália, em Lanheses  foram, esta  madrugada, objecto de assalto em série,  causando aos seus proprietários prejuízos consideráveis pelos danos causados nas instalações e nos produtos roubados.

            Os estabelecimentos mais atingidos foram "O Ninho", uma loja dedicada à venda de roupa feminina e de criança, rendas e artigos variados, e o mini-mercado "Parati" onde os assaltantes "limparam" das prateleiras garrafas de wisky e outras bebidas e nem as fraldas desprezaram entre diversos artigos que roubaram. Ainda no Centro Cívico, os ladrões tentaram estroncar a fechadura do Café do Neu mas perante um ruído provocado pela queda de uma barra de ferro acabaram por desistir do assalto.

            Na Rua de Santa Eulália, os assaltantes entraram no "Café da Zinha" e no "Laboratório de Análises Clínicas", não tendo sido, até ao momento, apurados os danos causados.

            No local está, neste momento, uma brigada da polícia especializada a procurar recolher elementos sobre estes crimes.