quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

PARA TER UM SONINHO TRANQUILO.


Boa noite.

CASA DO POVO DE LANHESES ABRE INSCRIÇÕES PARA ESCOLA DE FOLCLORE.




JUNTA DA FREGUESIA LANÇA ALARGAMENTO DA RUA DO ESTÁDIO.

  O alargamento da rua foi iniciado na propriedade de José Alves (na foto), a norte.

                    A Junta de Freguesia deu início esta tarde à primeira fase de uma significativa intervenção urbanista na área adjacente ao campo desportivo do União Desportiva de Lanheses, procedendo ao alargamento da Rua do Estádio, que, da rua da Estrada Central, dá acesso às casas existentes a norte do referido equipamento desportivo.

              O alargamento da via vai verificar-se ao longo de cerca de 120m (aproximadamente o comprimento do muro do estádio), terá uma largura de 5,20 metros de via e um passeio para peões de cerca de 1,80m, localizado do lado do muro do estádio.

              O empreendimento agora iniciado pela Junta da Freguesia de Lanheses com a participação da Câmara Municipal do concelho de Viana do Castelo,  foi possível graças ao acordo estabelecido com o proprietário do prédio situado a nascente, José Sousa Alves, o qual cede para o alargamento, sem qualquer contrapartida financeira, cerca de 200m2 (!!) da sua propriedade. A cedência acordada obriga a Junta de Freguesia a repor o muro actual três metros para dentro da propriedade (+-), a (re)plantação da sebe existente ou equivalente e a criação de espaço para parqueamento de viaturas próprias.

José Sousa Alves, o proprietário dos terrenos que permitem o alargamento, tendo ao fundo a sua moradia.
             

            Ao que me foi dado conhecer no local, está prevista uma segunda fase de intervenção naquela área mas que envolve o União Desportiva de Lanheses, a qual consiste na substituição do actual muro de vedação do lado do peão num alinhamento mais para dentro a partir do edifício de entrada (bilheteiras) e a criação de várias dependências no seguimento do mesmo destinadas a balneários, gabinetes e salas de logística, bem como de uma pequena bancada descoberta.

             Por ser muito invulgar e de valor inestimável nos tempos que correm,  deve registar-se a disponibilidade do nosso conterrâneo José Alves, ex-emigrante em França durante muitos anos e ainda com familiares lá radicados, para colaborar benemeritamente numa obra pública de inegável benefício para a comunidade, abdicando da comodidade de manter inalterado o seu património e de se ver ressarcido do devido valor.

               Aspectos dos trabalhos em curso (a seguir)
             
                  Os esteios e as videiras irão ser removidos a seguir.

O alargamento partirá do início da Rua do Estádio, vendo-se do lado direito o muro que deverá ser deslocado cerca de 3m para dentro da propriedade de José Alves. Do lado esquerdo da foto, o muro do estádio vai ser substituído (numa segunda fase) e alargado cerca de 3m a partir da área dos blocos em bruto. Esta alteração, prevê a construção dentro e no alinhamento da nova vedação compartimentos destinados à actividade desportiva do clube lanhesence.
              

FUTEBOL DE FORMAÇÃO DO UDL - Cartaz

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

ROGÉRIO GONÇALVES, TREINADOR EM MOÇAMBIQUE.

Rogério Gonçalves, 53 anos, técnico do Ferroviário de Nampula

                  Rogério Gonçalves, o conhecido treinador profissional de futebol lanhesence, com várias subidas de divisão de equipas no currículo, encontra-se há já vários dias em Moçambique, a fim de assumir o comando do Ferroviário de Nampula. 

              O Rogério, foi treinador em Portugal de equipas da primeira Liga, como a Naval 1º de Maio, Leixões, Académica e Sporting de Braga, equipa que levou aos oitavos de final da Liga Europa. Depois de passagem por Braga, o nosso conterrâneo fez um período de afastamento voluntário do banco para se dedicar a seminários e participar em estágios e conferências sobre futebol, ficando pronto para assumir uma carreira fora do país consumada agora com esta experiência em Nampula.

              Conhecendo de perto as qualidades pessoais e profissionais de Rogério Gonçalves, o seu carácter e perfil de comando e a fácil empatia que granjeia entre os que com ele convivem, estou convicto de que vai escrever mais uma página de sucesso no seu já rico palmarés.

              Parabéns, Aviador.

              

REGRESSARAM AO LAR AS INQUILINAS DA RUA DE SANTA EULÁLIA.

            

                  O casal de cegonhas-brancas, dono do ninho construído no cimo da chaminé do edifício onde esteve a Casa do Povo, à Rua de Santa Eulália, em Lanheses (Viana do Castelo), esteve junto pela primeira vez este ano dentro do "lar" que ali construíram vai para quatro anos.

             Eram cerca de 16,30 horas quando entrei no Largo Capitão Gaspar de Castro vindo de Viana do Castelo, quando me apercebi do casal dentro da enorme construção de paus e musgo que vem resistindo à inclemência do tempo, observando tranquilamente a área onde vêm nidificando. Por coincidência feliz tinha comigo a máquina fotográfica e pude colher, de imediato, as primeiras imagens de 2013 do sr. Lima e da sua companheira Dona Lala. Depois de se terem deixado fotografar para o doLethes, talvez já enfadadas por me verem tão perto, levantaram voo uma a seguir à outra e desapareceram no céu fechado de nuvens.



            Como algumas vezes aqui já divulguei, o casal de cegonhas-brancas criou três filhotes no primeiro ano, quatro no segundo e dois no último ano. Com a crise que grassa por aí, inclusive na redução do número de filhos por casal, fico curioso por saber o que a natureza reserva para esta simpática família que elegeu Lanheses como terra da sua predilecção.



segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

300.000 MIL VISUALIZAÇÕES NO doLETHES! UM ESTÍMULO ENORME PARA CONTINUAR.

                                                         300 000 visualizações!

                               Três centenas de milhar de visualizações do doLethes em pouco mais de três anos de existência é motivo de muita satisfação e também de orgulho do seu único autor e responsável. Nascido sem objectivo muito definido, num espaço rural onde os meios tecnológicos de comunicação modernos não entram nos hábitos de uma boa parte da população de grau etário mais elevado, residente ou da própria diáspora iniciada a partir da segunda metade do século passado ganhou, pouco a pouco, uma dimensão que excede, em muito, a realidade do número daqueles que o procuram diariamente.

                               Actualmente, o doLethes entra no quotidiano dos hábitos de muitos lanhesences, estejam eles perto ou longe, numa tarefa que ganha a dimensão de um serviço à comunidade informando, divulgando, levando a toda a parte onde estiver um amante de Lanheses, um bocadinho deste rincão minhoto encantado pelo Rio Lima que o acaricia e protegido pela serra onde se abriga.

                              Muito do carinho e agradecimento pelo trabalho que aqui venho, com muito prazer, a desenvolver, é-me manifestado pessoalmente. É um incentivo para manter a regularidade com que o faço, e um estímulo para esperar que este modesto contributo para a nossa comunidade possa ser visto por todos os que estão imbuídos de idêntico propósito, independentemente da maior ou menor responsabilidade que lhes caiba desempenhar.

                             
                           O número de visitas divulgado diz respeito aos 98 países onde foram registadas as visualizações. Alguns deles são, certamente, absolutamente fortuitos e nada representam. Porém, os dez indicados abaixo, são elucidativos quanto ao interesse que o doLethes merece.
                              
                                                                


Portugal
203153
França
38594
Estados Unidos
28169
Brasil
8989
Canadá
5426
Austrália
2803
Alemanha
2775
Rússia
2319
Suíça
787
Reino Unido
564

                           Além dos países que aqui são mencionados, outros há que, tendo entrado há menos tempo no blogue, vêm aumentando gradativamente o número  de visitantes. É o caso de Angola, Suíça, Espanha, Região do Pacífico, Cabo Verde, Itália, Luxemburgo, Países Baixos, etc..     

                            A título de curiosidade divulgo os títulos dos post até agora mais visitados: 1º "A FEIRA QUINZENAL NAS ELEIÇÕES" E, 2º, "REMÍGIO, NA HISTÓRIA DO CERCO DE LISBOA", livro de Saramago.

                           Eram 16h00 de hoje, dia 28 de Janeiro, quando o número 300 000 foi atingido.

                           OBRIGADO.        






















MOVIMENTO DE SOLIDARIEDADE DE AJUDA A ROSALINA PAREDINHA.




                   A LINA, como também tem vindo a ser tratada, sofreu já  sucessivas intervenções e tratamentos médicos em hospitais portugueses, mas, a natureza rara do tumor que se instalou no seu cérebro não parece evoluir para a cura, havendo contudo a possibilidade de recorrer a serviços com meios técnicos  mais avançados cientificamente, contudo, envolvendo custos elevados que a família a que pertence não possui.

                  Estando envolvidas na campanha de angariação de fundos  instituições idóneas entre as quais a  própria Câmara Municipal de Viana do Castelo, o movimento merece a garantia de que os fundos obtidos serão aplicados PARA OS FINS DESEJADOS.

                 Sendo assim, o doLethes adere à campanha em curso divulgando o evento constante do cartaz inserido acima esperando sensibilizar para esta causa alguns dos seus TREZENTOS MIL VISITANTES (número que hoje deverá ser atingido).



domingo, 27 de janeiro de 2013

O FUTEBOL DA NOSSA TERRA.

AF Viana do Castelo
2012.01.27

Em Lanheses,  



                                          UD LANHESES, 1 - Neves FC, 0
                                     (Filipe Lomba, 50', gp)

HOMENS DAS NEVES NÃO ASSUSTARAM OS LANHESENCES. UDL JÁ ESPREITA O "SEU" LUGAR...

         Excelente jogo. Ganhou quem mais precisava, e fez, para que isso fosse possível.

         Boas exibições individuais de quase todos os jogadores, com maior destaque para Amaral e Filipe Lomba e Fábio Castro (muito combativo).

         Penalti bem assinalado sobre Filipe Lomba e bem apontado por ele próprio.

                         Golo de penalti.

         Arbitragem segura e com critério igual para as duas equipas.

         Muitos adeptos do Neves vieram apoiar a sua equipa.

        Boa estreia em casa de Zé Pequeno no comando do UDL, muito empenho dos seus jogadores e notória melhoria nos movimentos da equipa, excelentes na pressão exercida sobre os adversários na recuperação da bola.
 

ZÉ PEQUENO, o novo treinador do UDL.








 Fábio Castro, substituído.

 Entra Jone.


 Situação de apuro junto da baliza do UDL.

 LINO esteve em bom plano.

AMARAL, O MELHOR EM CAMPO, NUMA DAS SUAS JOGADAS INDIVIDUAIS.
(Aqui, escapa-se ao defesa contrário mas o lance foi anulado por fora de jogo)

                   BOM TRIO DE ARBITRAGEM.

JORNADA 172013-01-27
Bertiandos 1-1 AD Campos
 
Távora 2-2 Vila Fria
 
ARC Paçô 1-1 GD Moreira do Lima
 
Vitorino de Piães 1-3 SC Courense
 
Valenciano 3-1 ADC Correlhã
 
Cerveira 4-1 Castelense
 
UD Lanheses 1-0 Neves FC
 



PJVEDGMGSDG
1SC Courense381612222611+15
2Valenciano361611323011+19
3Subiu 1 posições Cerveira311610153115+16
4Desceu 1 posições Neves FC31151014156+9
5Subiu 1 posições AD Campos23166552216+6
6Subiu 1 posições GD Moreira do Lima23166551819-1
7Desceu 2 posições ADC Correlhã22166462218+4
8Vitorino de Piães20166282426-2
9Subiu 2 posições UD Lanheses19165471624-8
10Desceu 1 posições Vila Fria19165471720-3
11Desceu 1 posições Távora19165471821-3
12ARC Paçô16164481423-9
13Subiu 1 posições Bertiandos141642101431-17
14Desceu 1 posições Castelense13162771322-9
15FC Vila Franca81522111128-17