domingo, 30 de outubro de 2011

O FUTEBOL DA NOSSA TERRA - Resultados de hoje.

            AFVC

            2011.10.30

            Divisão de Honra
 
                                        PONTE DA BARCA, 5 - UD LANHESES. 0


JORNADA 5
Visitado
Visitante

Darquense 1-2 Castelense

Ancorense 2-1 GD Moreira do Lima
Monção 1-1 FC Vila Franca

Neves FC 3-1 Távora

Vitorino de Piães 1-3 Correlhã

Valenciano 0-1 SC Courense

Ponte da Barca 5-0 UD Lanheses




classificação geral








Pos.EquipaPJVEDGMGS

1SC Courense12540184

2Valenciano10531193

3Ponte da Barca10531193

4Correlhã10531164

5Castelense10531198

6Monção75140119

7GD Moreira do Lima7521278

8Neves FC6520366

9FC Vila Franca6513144

10Távora65203812

11Vitorino de Piães4511378

12Ancorense45113913

13UD Lanheses35104210

14Darquense25023811

























TRANCAS NA PORTA DA CASA ROUBADA.


           Uma brigada da GNR (Guarda Nacional Republicana) vai estar no Centro Paroquial de Lanheses, no dia 3, quinta-feira, pelas 15 horas, do próximo mês de Novembro, para realizar uma sessão de sensibilização e alerta sobre a actividade criminosa que vem decorrendo nos meios rurais, cujas vítimas são maioritariamente idosos que vivem sozinhos e, muitas vezes, isolados e desprotegidos.

             Todos os dias os noticiários da rádio e da TV e os jornais divulgam casos de burlas, assaltos e agressões, algumas delas de extrema violência física e coacção psicológica, com consequências absolutamente dramáticas e traumatizantes para as vítimas indefesas a quem, muitas vezes, nem a vida lhes é poupada em actos de verdadeira barbárie e crueza extrema.

             Estas acções não são a resposta  definitiva para a diminuição dos índices actuais da criminalidade em Portugal e, apesar dos avisos e melhor e mais informação, não se augura melhor futuro. A benignidade de algumas leis portuguesas de que tiram partido os profissionais do crime e as exigências impostas à actuação dos agentes de autoridade no combate aos seus autores, propiciam um ambiente favorável ao desenvolvimento cada vez mais acentuado dos actos ilegais.

             Apesar de tudo algumas sugestões serão certamente bastante úteis, designadamente, no que respeita ao comportamento a seguir em casos de assaltos no domicílio, a forma de lidar com os intrusos e medidas de prevenção a cumprir pelo que interessa a todos delas tomar conhecimento.

             Se estes "crimes de proximidade" devem merecer a melhor atenção das autoridades e mobilizar recursos pertinentes outro tanto deve ser feito com os roubos designados de "colarinho branco", do tráfico de influências, dos contratos viciados, da fuga ao fisco, dos empregos de favorecimento, das acumulações multiplicadas, dos gastos exorbitantes dos fundos públicos, das mordomias, dos direitos devidos ao trabalho, das remunerações ditas de subsídio de Natal e de férias de que foram espoliados os aposentados e trabalhadores do Estado de baixos rendimentos.

            

             



           

sábado, 29 de outubro de 2011

O FUTEBOL DA NOSSA TERRA - Calendário de jogos.




SENIORES
5ª Jornada - Divisão de Honra/ Caixa Agrícola
Domingo, 30 de Outubro -17.30H - Arcos de Valdevez
 
Pte. da Barca * U. D. LANHESES
-------------------------------------------------------------------
JUNIORES

Sábado, 29 de Outubro - 15.00H - Deocriste
 
U.D. LANHESES * Cerveira
-------------------------------------------------------------------
JUVENIS
 
Domingo, 30 de Outubro - 10.00 H - Ponte de Lima
 
U. D. LANHESES * Monção
--------------------------------------------------------
INICIADOS

Domingo,30 de Outubro - 10.00H - PAREDES DE COURA
Courense * U. D. LANHESES 
-------------------------------------------------------------------
INFANTIS

Sábado, 29 de Outubro - 10.00 H - Deocriste

 U. D. LANHESES * Deocriste
--------------------------------------------------------------------
BENJAMINS

Sábado, 29 de Outubro - 10.00 H - Viana do Castelo

sábado, 22 de outubro de 2011

MAY WAY.

           
             A evocação da voz de Frank Sinatra que hoje trago ao blogue para ficar aqui alguns dias,  é uma homenagem aos pensionistas da minha geração que seguiram na vida um caminho de trabalho honesto, devotado e competente, confiados na fiabilidade das leis e na solidariedade e equidade da justiça social, e que, na época em que vivemos, são vítimas da insensibilidade estatística da máquina da governação política, da sobreposição do valor do dinheiro sobre o da honra e da dignidade, do acesso ao centro das decisões dos corruptos, incompetentes e criminosos.

              Somos, talvez, os últimos caminhantes numa estrada cada vez mais estreita e difícil de percorrer mas que, em circunstância alguma, jamais perderemos a memória dos valores que ficaram para trás.

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

O INCRÍVEL PAÍS DAS EXCEPÇÕES.

            Ninguém se espante, é Portugal no seu melhor.



            OS FUNCIONÁRIOS DA AUTARQUIA DE BARCELOS, NÃO VÃO SER "ROUBADOS" DO SUBSÍDIO DE NATAL, COMO ACONTECEU COM OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS E APOSENTADOS DESTE PAIS, PORQUE A CÂMARA DAQUELE CONCELHO ASSUMIRÁ TAL ENCARGO, SEGUNDO O QUE HÁ POUCO FOI DIVULGADO NO JORNAL DA NOITE DA TELEVISÃO PÚBLICA RTP1.


            DOIS RESPONSÁVEIS DO MUNICÍPIO DE BARCELOS QUE NÃO PUDE IDENTIFICAR POR RAZÕES DE ACÚSTICA NO LOCAL ONDE ME ENCONTRAVA, INCRÉDULO E ESTUPEFACTO, GARANTIRAM A DECISÃO  EM OBTER  DOTAÇÃO PARA PAGAR AOS SEUS FUNCIONÁRIOS OS SUBSÍDIOS QUE O GOVERNO CENTRAL NEGOU A OUTROS PORTUGUESES.


            A CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA PORTUGUESA GARANTE O PRINCÍPIO DA UNIVERSALIDADE DAS LEIS APROVADAS DEMOCRATICAMENTE NO ÓRGÃO COMPETENTE ELEITO PELO POVO, A ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA, A QUE TODOS OS PORTUGUESES DEVEM OBEDIÊNCIA.


             BARCELOS É TERRITÓRIO DE PORTUGAL, MAS NÃO ACATARÁ A LEI. SERÁ EXCEPÇÃO, SEGUINDO A REGRA. ATÉ VER, PORQUE, PARA AS "BOAS" IDEIAS NÃO FALTAM SEGUIDORES.


             SOMOS UM PAÍS DE ZIG-ZAG, DE FURA-FURA, DE FAZ DE CONTA, INIMPUTÁVEL.

             UM PEDAÇO DE QUEIJO  PARA OS RATOS FAZEREM BURACOS.

          

     

            

        

O FUTEBOL DA NOSSA TERRA - Calendário para o fim de semana, ao som de ANESIO RENTE DE ARMAS.


 ANESIO RENTE DE ARMAS, artista cubano radicado em Viana do Castelo


SENIORES
4ª Jornada - Divisão de Honra/ Caixa Agrícola
Domingo, 
23 de Outubro - 15.00H - Paredes de Coura
 
S.Cl. Courense * U. D. LANHESES
-------------------------------------------------------------------
JUNIORES

Sábado, 22 de Outubro - 15.00H - Arcos de Valdevez
 
Lançatalento A. D. * U.D. LANHESES
-------------------------------------------------------------------
JUVENIS
 
Sábado, 22 de Outubro - 15.00 H - Ponte de Lima
 
A.D. Limianos * U. D. LANHESES
--------------------------------------------------------
INICIADOS

Domingo,23 de Outubro - 10.00H - Deocriste
U. D. LANHESES * Vit. Piães
-------------------------------------------------------------------
INFANTIS

Sábado, 22 de Outubro - 10.00 H - Durrães

Artur Rego * U. D. LANHESES
--------------------------------------------------------------------
BENJAMINS

Sábado, 22 de Outubro - 11.00 H - Deocriste

U.D. LANHESES * Ancorense

ANESIO RENTE DE ARMAS - RITMOS BAR



        ANÉSIO RENTE, é um artista cubano que, depois de ter passado por vários países, se fixou em Viana do Castelo enamorado da cidade e de Portugal.

        Acabou de se estrear a fazer e montar uns videos. São video-clips sobre a sua actividade musical em Portugal, tendo colocado aqueles vídeos no Youtube e, como é sabido, só acima de um certo número de visionamentos é que eles aparecem nos motores de busca.

        Vamos, por isso, colaborar com este tão simpático quanto excelente artista, divulgando e apreciando a sua música, contribuindo para a sua divulgação pelo maior número possível de apreciadores.

 

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

DEPENADO, MAS DIGNO!



Auto-Estima  acima de tudo!!
Imagem do funcionário público em 2013




 
Não interessa o quanto o estado te tenha depenado...
Importante é andar sempre de cabeça erguida!!!



  Os dados a seguir mencionados foram recolhidos do nº 971, da revista Visão, da última semana do mês corrente:



               REMUNERAÇÕES  AUFERIDAS POR EX-MEMBROS DO GOVERNO E EMPRESAS PÚBLICAS.

               NOME               ANO       REMUNERAÇÃO     ANO   REMUNERAÇÃO

 Pina Moura                                      1994             22 814 €                       2006                   697 338 €
Jorge Coelho                                    1994             41 233 €                       2009                   702 758 €
Armando Vara                                  1994             59 486 €                       2010                   822 193 €
Manuel Dias Loureiro                         1994             65 010 €                       2001                   861 366 €
Fernando Ferreira do Amaral             1994             65 010 €                       2007                   700 874 €
   Fernando Gomes                              1999             47 901 €                       2009                   515 000 € 
António Vitorino                                1994            36 089 €                        2007                   383 153 €
Luís Barreirão                                   1996            52 212 €                        2009                   463 434 €
Joaquim Ferreira do Amaral               1994            64 968 €                        2007                   278 258 €
José Penedos                                    1994          112 947 €                        2009                   728 635 €
Filipe Baptista                                   2004            74 254 €                        2010                   192 282 €
 Luís Mira Amaral                              1994             64 968 €                        2001                   414 294 
Ascenso Simão                                 2004            70 285 €                        2010                   122 102 €

A VERDADE NÃO MUDA: OS MENTIROSOS É QUE SÃO OUTROS.


"Orelhas de burro

00h53m

"Estes são tempos, como os de Drummond,"de homens cortados ao meio", em que nem no princípio da realidade se pode confiar. Quatro meses depois, contra todas as evidências e todas as garantias eleitorais de Passos Coelho ("Passados cinco meses, o Governo [de Sócrates] limitou-se a aumentar impostos (...) Sempre o mais fácil (...) Que não matemos o doente com a cura"), descobrimos que, afinal, nada mudou: funcionários públicos, reformados, pensionistas e pobres que paguem a crise ("Não podemos pôr os reformados e pensionistas a pagar [a crise]" e "Estes que hoje [nos idos de Sócrates] sofrem, estes que não se sabem defender, encontrarão sempre em mim e num futuro Governo do PSD um aliado amigo", porque "do que o país precisa, para superar a crise, não é de mais austeridade").
Justifica-se, assim, que Cavaco Silva também não tenha mudado "a [sua] opinião" e tenha ontem falado, a propósito da proposta de OE para 2012, de "injusta repartição de sacrifícios" e de "[violação de] princípios básicos como a equidade fiscal" que "põe em causa a coesão nacional", explicando ao ministro das Finanças o que vem nos "livros" que deveria ter lido: que "é sabido por todos os que estudam esses livros que cortar vencimentos, ou pensões, a grupos específicos é um imposto".
Temos, pelos vistos, um cábula a ministro das Finanças. Embora sejam os portugueses quem, quatro meses depois, deve enfiar as orelhas de burro."





(JN online)