sábado, 31 de dezembro de 2011

VIVAM FELIZES, TODOS OS DIAS.

        Hoje, 2011 vai chegar ao fim. Na hora do balanço do que foi bom ou mau no tempo que está a acabar, uns vão achar que poderia ter sido melhor, outros não encontrarão razões de monta para se lamentarem e dão-se por contentes, (para pior está bem assim...) e, os que não vão ter saudades nenhumas destes últimos trezentos e sessenta e cinco dias serão, eventualmente, a grande maioria.

       
           Eu desejaria muito que todas as pessoas da nossa comunidade, os que aqui vivem em permanência como aqueles que, temporariamente, dela estão fisicamente ausentes, venham a ter um ano em tudo melhor ao que agora chega ao fim, e, alcancem todos os objectivos e vejam concretizados e compensados os sonhos mais lindos que construírem com o justo prémio do seu trabalho e dedicação.


        dois dias atrás colhi imagens de um pôr de sol surpreendente que venho aqui partilhar convosco pois não tenho melhor para vos oferecer nesta data simbólica de fraternidade universal, lembrando-me dos meus amigos presentes mas, também, dos que são já saudade e pensamento. Apesar das nuvens, o fogo emergente é uma esperança projectada do infinito que não se extingue e a garantia de que o Sol, amanhã, vai ressurgir do outro lado bom da vida.




        

       


   

        

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

UMA DÚZIA DE BAPTIZADOS EM 2011.







             CAROLINA, é o nome atribuído à bébé do décimo segundo (e último)  baptizado realizado na Igreja Paroquial no ano de 2011, o qual ocorreu ontem pelas 12 horas, ministrado pelo pároco residente Daniel Rodrigues e presenciado pela família de João Paulo Agra Gomes Rio e Lucélia Clarisse Pereira de Carvalho, seus pais, residentes na Rua da Estrada Central.

             Feliz estava a avó Rosa Gomes (Rosa Fires), que não obstante os problemas de saúde que enfrenta neste hora foi a primeira a comparecer junto da pia baptismal tendo acompanhado a cerimónia do princípio ao fim com visível felicidade no rosto.


         Para todos os meus votos de muita felicidade e de um rápido restabelecimento para a amiga Rosa.





        



FÁBRICA DE FIBRA DE VIDRO NA ZONA INDUSTRIAL DE LANHESES.

        De acordo com notícia hoje divulgada no Jornal de Notícias (JN) a firma alemã Saertex propõem-se criar no Parque Industrial de Lanheses uma fábrica para a produção de fibra de vidro destinada ao fabrico de pás eólicas, a qual terá uma área coberta de cerca de 400m2 e criará 45 novos postos de trabalho. Recorda-se que no referido Parque vem já a laborar há cerca de três anos a Enercon que se dedica ao fabrico das referidas pás, sem que todavia tivesse conseguido até ao momento atingir o número de postos de trabalho inicialmente previsto.


         A confirmar-se, esta é uma notícia animadora para o meio local pela perspectiva não só da criação de novos postos de trabalho como também para poder vir a dar maior incremento à fábrica das pás na Enercon e levá-la a cumprir os primeiros objectivos da sua implantação.



                           (Clicar sobre o texto para ampliar)

DOLETHES

        
         Alguns problemas técnicos surgidos na instalação de uma nova impressora multifunções impedem o normal acesso a outras funções no computador pelo que não tem sido possível a elaboração de mensagens. A normalidade deverá ser restabelecida ainda hoje.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

A PIRATARIA NÃO VAI ACABAR EM 2012.

     
A mensagem de Natal do primeiro-ministro Pedro Passos Coelho

             Desde que há seis meses tomou conta do Governo, Passos Coelho não tem feito outra coisa senão tomar medidas contra os direitos adquiridos dos cidadãos como se eles não existissem. Aumentou a carga fiscal para níveis asfixiantes, reduz ou extingue benefícios sociais, aumenta a prestação horária dos trabalhadores, reduz o tempo de direito ao subsídio de desemprego, confisca aos reformados e aos trabalhadores da função pública os "subsídios de férias e de Natal", fixa taxas exorbitantes no uso dos serviços hospitalares, congela o aumento das pensões, saca a torto e a direito em tudo quanto é remuneração dependente contribuindo para um empobrecimento de grande parte da população portuguesa e engrossando o fosso que divide os cada vez mais ricos e os cada vez mais pobres. Esta lista seria quase interminável. Agora, que estamos na quadra natalícia o Primeiro-Ministro lembrou-se de vir falar aos portugueses para lhes recordar que o ano que vem ainda vai ser pior o que significará mais cortes cegos, impostos e extinção de apoios na saúde, educação, justiça, segurança, cuja incidência afectará sempre os mais fragilizados economicamente. Tudo em obediência a uma política que é comandada pelos interesses do capital internacional aceita num acto de rendição e perda de soberania que Passos Coelho e este Governo se empenham em cumprir até às últimas consequências para chegados a Dezembro de 2012 nos vir dizer o que todos, hoje, já sabemos: 2013 ainda vai ser pior.


          




           

        

domingo, 25 de dezembro de 2011

sábado, 24 de dezembro de 2011

MUITO SOL MAS POUCAS PRENDAS NA VISITA DO PAI NATAL.

            Um dia com muito sol e temperatura amena ajudaram a tarefa do Pai Natal no cumprimento da sua missão esta manhã, no Largo Capitão Gaspar de Castro (Benemérito), o centro cívico de Lanheses, percorrendo um a um todos os estabelecimentos comerciais ali instalados, tocando na sua concertina músicas próprias desta quadra ou que lhe eram solicitadas.

        O recinto registava a presença de um número maior de pessoas do que é normal nos outros dias, beneficiando ser sábado da feira quinzenal, e, não sendo muitas as crianças que acompanhavam os familiares, algumas puderam cumprimentar e receber a guloseima que lhe era oferecida pelo popular barbudo vestido de vermelho.











        
          O dia muito agradável de sol e óptima temperatura que se faz sentir por aqui, surpreendem as pessoas por ser um clima pouco condizente com o que normalmente acontece nesta altura do ano mas ninguém lamenta que seja assim porquanto permite usufruir de uns belos momentos de convívio numa esplanada com familiares e amigos que há muito se não vêem.

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

PAI NATAL ANIMA A FEIRA.

pai natal em crise

            À semelhança do ano transacto, o Largo Capitão Gaspar de Castro vai ter animação  própria da quadra natalícia por iniciativa do comércio local, pela acção do PAI NATAL em "carne e osso" que, a partir das 10 horas, vai andar no largo da Feira a brincar e a distribuir guloseimas pelas crianças e a animar os adultos

        (Nota do autor: o "pai" cobra "au noir", pelo que não há emissão de factura e não paga IVA)


        Não se confirmam, assim, os rumores que davam conta de estar a ser preparada uma greve geral dos Pais Natal face à iminência de o governo de Passos Coelho se preparar para cortar (também) as barbas do "velho" reformado...

        

        

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

MÚSICA PELO AMBIENTE

            As turmas do 4º ano A e B do 1º ciclo do ensino básico, do Agrupamento de Escolas Arga e Lima participaram, ontem à noite, no Teatro Sá de Miranda, em Viana do Castelo, num espectáculo musical onde foram cantadas músicas cujo tema era o ambiente e a saúde do planeta Terra.

        A iniciativa de carácter pedagógico envolveu uma acção que decorreu nos estabelecimentos escolares do concelho, organizado em forma de concurso, em que os alunos foram os autores das letras e músicas, bem como das cenografias, e, em alguns casos até na improvisação de instrumentos musicais, tendo sido posteriormente seleccionadas oito para, em conjunto, procederem à gravação de um CD com as melhores canções encontradas, o qual será posto à venda em todo do Mundo.

             No espectáculo, que hoje voltará a ocorrer no mesmo palco às 21H30', colaboraram a orquestra e coro da escola amadeus e uma professora que teve a seu cargo a coordenação das crianças no palco.

         Das turmas presentes apenas a do Agrupamento de Lanheses esteve duas vezes em palco. Eis uma das suas interpretações.


segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

ACADEMIA (JÚNIOR) SÉNIOR DO IPVC ENCERRA COM ALMOÇO O PRIMEIRO ANO DA SUA FUNDAÇÃO.

            Os responsáveis da coordenação e criação da Academia, doutores Ermelinda Jacques e Sintra Coelho (ao centro) ladeados pelo Dr. Sérgio Carteado, à direita, e D. José Pedreira, Bispo de Viana do Castelo, jubilado, à esquerda.

         Chamam-lhe SÉNIOR mas a ACADEMIA IPVC acaba de encerrar o seu primeiro ano de funcionamento pelo que seria mais ajustado que fosse chamada de Júnior, juntando a maioria dos seus académicos num almoço comemorativo da efeméride e conclusão das actividades lectivas do ano académico.

         A Academia Sénior depende do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) e funciona nas respectivas instalações na Avenida do Atlântico (Praia Norte), em Viana do Castelo, sob a direcção dos doutores  Ermelinda Jacques e Sintra Coelho, os principais mentores da criação e responsáveis directos do seu funcionamento, constituindo "um espaço privilegiado de inserção e participação social da população mais velha na instituição do ensino superior, a fim de investir e promover ANOS COM MAIS VIDA", lê-se no folheto de apresentação.


         O currículo é multidisciplinar com disciplinas de escolha facultativa, algumas, sendo que, outras, são nucleares, que vão desde o estudo (1º ano) de Inglês I, Psicologia, Comunicação Interpessoal, Noções Básicas de Economia, Nutrição e Dietéctica, Saúde e Qualidade de Vida, Motricidade Humana, Etnografia, Cerâmica e Pintura, Informática e, ainda, work-shops, visitas de estudo e conferências a cargo de convidados de reconhecida competência, possuindo quase todos os docentes responsáveis pelo ensino formação superior com doutoramento. O plano de estudos abrange o período de três anos, e, a comparência às aulas, tem carácter facultativo.


          As aulas distribuem-se por três dias da semana (terça, quarta e quinta-feira), entre as 10 e as 12 e 14,30 e 16 horas. A propina anual é de 100€, sendo a primeira fracção de 20€ paga no acto da matrícula e as restantes em prestações mensais de 10€, ou na totalidade segundo a opção escolhida. 


          Os alunos da Academia detêm a generalidade dos direitos e obrigações dos demais frequentadores do Instituto, incluindo o serviço de BAR e REFEITÓRIO.


          Neste momento decorre o tempo de inscrição para os novos alunos do primeiro ano.

            O encontro dos finalistas do primeiro ano teve lugar no Restaurante Astúrias, em Viana do Castelo, que é propriedade de uma das alunas matriculadas no ano que agora terminou.
    
          Alguns ângulos da sala onde decorreu o almoço e alguns dos alunos que concluíram o primeiro ano.






         


        

         

VOVÓS BRINCAM ÀS BONECAS TAL QUAL AS NETAS.

                            A EXPOSIÇÃO NO MUSEU DAS MARIONETAS

           Avós felizes brincam às bonecas agora como muitas delas não o fizeram na fase em que as crianças devem ser felizes, com a alegria e embevecimento com que embalaram e trataram e tratam, ainda, os filhos dos filhos que eles próprias geraram e criaram. Duas vezes mães e pais fazem renascer pelas suas mãos as figurinhas adoráveis que nunca deixaram de ter dentro de si na esperança de materializarem os momentos de infância que jamais deixaram se extinguissem e querem continuar a preservar.

            No âmbito do programa de ocupação de tempos livres que vem sendo levado a cabo nesta freguesia, com o patrocínio da Câmara Municipal, tendo como coordenadora a drª Joana Barros, o grupo de idosos que nele participa tem vindo a dedicar-se, entre outras iniciativas, à criação de marionetas numa reedição do que há tempos já havia sido feito, e que estão, a partir do último sábado, dia 17, em Exposição aberta ao público no Museu de Marionetas, na Rua de Gago Coutinho, à Capela das Malheiras, em Viana do Castelo.

                                                     OS JOVENS CRIATIVOS

               À semelhança da exposição anterior o produto líquido da venda dos trabalhos será doado à Obra Social Riba Lima.

          As fotos que a seguir se incluem demonstram a beleza simples e, por isso, inestimável das sedutoras bonecas, mas, estão longe de reflectir todo o brilho do olhar e a alegria que vai na alma dos felizes avós que as criaram.

                                                  CRIADORES E CRIATURAS










.......................................
(de Brandon, com os melhores agradecimentos)




 VALE A PENA SER IDOSO.

domingo, 18 de dezembro de 2011

ALMOÇO DE NATAL AJUDA A OBRA SOCIAL.

             Cerca de duas centenas de pessoas das freguesias que integram o projecto da Obra Social Riba Lima juntaram-se de novo num almoço de Natal, com o objectivo de obter receita para ajudar a levantar a grande obra do Centro Social, de Dia, Apoio Domiciliário e Creche, que se encontra em fase adiantada de construção mas ainda longe de estar terminada.

         O almoço que decorreu excepcionalmente nas próprias instalações da Obra teve a participação não só de residentes das freguesias de Lanheses, Vila Mou e São Salvador da Torre, mas, também de outras proveniências, a convite de familiares que mantêm laços afectivos com os ausentes que fazem questão em colaborar.

         Nestas acções de solidariedade nada há de mais relevante do que a solidariedade das pessoas que participam, tanto as que contribuem pagando o almoço como aqueles que o tornam possível dando a contribuição valiosa do seu trabalho e colaboração. 


         Nem todos ficaram registados nas imagens a seguir inseridas colhidas aleatoriamente no local mas estas aqui incluídas servem para dar uma ideia aproximada de mais um êxito na campanha para levantar a Obra Social.

(Nota pessoal: desde ontem que me deparo com problemas de ordem técnica no computador, designadamente no correio electrónico, que tem condicionado a publicação de eventos que tencionava aqui divulgar)