quarta-feira, 31 de março de 2010

LENDA DE D. SAPO (CARDIELOS)


Era uma vez um fidalgo chamado D. Florentim Barreto, a quem o povo alcunhara de D. Sapo, senhor de um solar torreado e de vastas terras de lavoira, situadas na freguesia de Cardielos, cerca da Viana e das águas do Lima.
Todos os seus servidores o odiavam, pois exercia sobre eles um poder injusto e cruel.
Mas, sobretudo, o que mais lhe alimentava o ódio era o direito a que D. Sapo se arrogava de passar, com as noivas dos seus criados, a primeira noite de núpcias.
Obrigado a submeter-se a costume tão infame, qualquer novo casal constituído sofria, todavia, em silêncio, a luxúria de D. Florentim Barreto, sem ter coragem de se revoltar contra ela, temerosa da miséria e mesmo da morte.
Uma ocasião, um jovem empregado seu, vendo próximo o casamento e não podendo suportar que a sua amada fosse submetida à violência do amo, reuniu os seus companheiros e convenceu-os, sobretudo os mais velhos e respeitáveis, a demandar a Corte, denunciando a El-Rei a vilania do fidalgo e pedindo, para ele, um castigo severo.
Eles sabiam que D. Florentim tinha grandes amigos influentes na Corte, capazes de defender, perante o soberano, a sua vida e os seus hábitos, jurando-o inocento.
Por isso usaram de manha.
Aos pés do rei, rogaram-lhe a mercê de se libertarem, pela morte, de um sapo que, em suas terras, roubava a donzelia às raparigas e tiranizava todo o povo da região.
Espantou-se o rei com pedido tão singular e, sorrindo da ingenuidade das gentes de Cardielos, concordou que matassem, à sacholada, sapo tão daninho.
Regressaram os enviados deveres contentes com a decisão real e logo convocaram os braços válidos da freguesia para, munidos de sacholas, assaltarem o solar e darem morte rápida a D. Sapo.
D.Florentim foi apanhado de surpresa nos seus prazeres favoritos e, com um grito, tombou, inerte e crivado de golpes, no chão do quarto onde praticara tanto crime horrendo.
Pôde, assim, o jovem noivo, esperto e ousado, libertar a pureza da sua noiva dos desejos repugnantes de D. Sapo.
E libertar, igualmente, e de vez, todo o povo de Cardielos das garras do fidalgo.
Mas os amigos de D. Florentim Barreto, ao saberem do atrevimento da justiça popular, logo correram à Corte, a reclamar, de El-Rei, a condenação dos prevaricadores.
Zangou-se grandemente o soberano com esta rebelião sangrenta e ordenou que viesse à sua presença quem cometera tão grave desacato.
Então, os considerados culpados replicaram, perante ele, que haviam recebido, da boca do próprio rei, a ordem de morte de D.Sapo, pois só por este nome conheciam D. Florentim.
E que os motivos das suas queixas eram verdadeiros.
Ouviu El-Rei, ponderadamente, os argumentos das gentes de Cardielos.
E disse-lhes:
- Ide em paz para as vossas terras.
O dito dito. Palavra de Rei não volta atrás.
Feliz com o desenlace, o povo tratou de destruir a torre e o solar de D.Florentim Barreto, para que não restasse memória, nem do fidalgo nem dos seus actos condenáveis.
Restou, porém, para os vindouros, a curiosidade da história aqui narrada.

 ...........FOSSE, D. FLORENTIM, PEDÓFILO...

segunda-feira, 29 de março de 2010

CENTRO SOCIAL E DE DIA NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

           O deputado do CDS-PP eleito pelo distrito de Viana do Castelo, Abel Baptista, apresentou na Assembleia da República um requerimento questionando o Governo sobre os apoios que estão previstos para a criação de Centros de assistênccia aos idosos.
           O deputado pretende ser esclarecido sobre a pretensão apresentada pelas freguesias de Lanheses, Vila Mou e S. Salvador da Torre, bem como os fundamentos invocados para a sua aprovação.
            O Centro Social e de Dia é uma antiga aspiração desta freguesia mas pretende cobrir, ainda, localidades como Meixedo, Vilar de Murteda e S. Lourenço da Montaria, para além das co-proponentes atrás referidas, dele podendo virem a beneficiar mais de 2 000 utentes.
            Ainda recentemente, uma manifestação silenciosa realizada no local onde está prevista a construção do equipamento, pretendeu divulgar o profundo desagrado provocado na população pelo facto do projecto submetido à consideração da tutela não ter obtido cabimento de verba.
          

domingo, 28 de março de 2010

O FUTEBOL DA NOSSA TERRA

           CAMPEONATO DA 1ª DIVISÃO DA A.F.V.CASTELO
Jornada 31
Hoje, no Campo do União Desportiva de Lanheses
                LANHESES, 3-Perre, 0
                    (ao intervalo:0-0)

                                  O UDL na apresentação das equipas
O UDL alinhou: Coutinho. Fábio Castro, Dario, Valter, Edgar, Sopas (57m, Zé), Pedro Leite, Bruno (cap.), André (Fábio Castro, 69m), Johnny e Nuninho (80m, Humberto).
Árbitro: Agostinho Matos. Aux.: Paulo Pinheiro e Ivan Rodrigues.
Golos: 1-0, aos 58m, por Pedro Leite. 2-0, aos 65m, por André. 3-0, aos 75m, por Fábio Costa.


            Jogo de grau de dificuldade reduzido para os comandantes da prova, que controlaram o encontro desde o seu início. Os visitantes tiveram como única preocupação impedir o Lanheses de chegar ao golo, revelando uma completa nulidade no aspecto ofensivo, não produzindo um único lance de perigo para o tranquilo Coutinho.
            Na etapa complementar, e como já vai sendo hábito, o União foi mais eficaz do que o havia sido na primeira parte, concretizando por três vezes algumas das oportunidades criadas.                                                                  
O árbitro 

            Em face das críticas, francamente negativas, formuladas ao árbitro Agostinho Matos no encontro de há 15 dias em Arcozelo, tínhamos algumas reservas sobre a qualidade deste juiz. A sua actuação, porém, não sendo totalmente isenta de reparos, designadamente na forma permissiva e contemporizadora como geriu a agressividade de alguns atletas forasteiros, muito excessiva em alguns lances, atingiu nível razoável. O facto de ter validado o 2º golo depois de ter assinalado um pontapé de canto contra o Perre inexistente (o guarda-redes segurou a bola uns bons 20 cm dentro do campo), deve-se, exclusivamente, a uma desatenção do fiscal do lado da bancada (Paulo Pinheiro?), que entendeu dar a  marcação do mesmo aos da casa.
                          O 2º golo
           Com este resultado, o UDL, mantém-se leader da prova, logo seguido do Ancorense, que tem ainda assim, um jogo a mais. Entretanto, se o a equipa de Vila Praia de Ancora logrou, hoje, vencer o Castanheira por 1-0, o Artur Rego acabou por atrasar-se na corrida ao primeiro lugar ao ser derrotado em Darque, por idêntico resultado.
                                    O primeiro golo
RESULTADOS E CLASSIFICAÇÕES
Folga: Grecudega.Vila Franca, 6-Bertiandos, 0.V. Donas, 1-Águias de Souto, 0.Fachense, 2-Arcozelo, 3.Vi. Piães, 7, Moreira, 0. LANHESESS, 3-Perre, 0. Neiva, 5-Torre, 2. Ancorense, 1-Castanheira, 0. Moledense, 0-Paçô, 3. Darquense, 1-Artur Rego, 0.
CLASSIFICAÇÃO
                                      J    V    E    D    M    S     P
 1.Ancorense ......          30  24    3    3     71   21   75
 2.LANHESES ............29  24    3    2     85   20   75
 3.Artur Rego .............. 29  22    4    3    72   29    70
 4.Vila Franca .............  29  17   6    6     63   38    57
 5.Castanheira .............  29  17   4    8     62   25    55
 6.V. Piães ..................  29  13  12   4     69   35    51
 7.Arcozelo ................   30  13   7   10    49   40    46
 8.Darquense .............   30   12   7   11    47   37   43
 9.Águias de Souto .....  30   11   7   12    46   61   60
10.Perre .....................  29   10   9   10    40   42   39
11.Paçô .....................  29    10   7   12    36   39  37
12.Moledense ...........   30    11   4   15    50   31   37
13.Grecudega ............  29      9   6   14    42   39   33
14.Bertiandos ............  30      7   9    14   50   75   30
15.V. Donas .............   29      5   7    17   34   68   22
16.Neiva ..................   30      6   4     20   38  78   22
17.Fachense .............   29      6   2     21   39  73   20
18.Moreira ...............   29      3   7     19   28  69   16
19.Torre ..................    29      3   4     22   21  74   13
Próxima jornada:
Bertiandos-Grecudega.Águias de Souto-Vila Franca. Arcozelo-Vit. Donas. Moreira-Fachense. Perre-Vit. Piães. Torre-LANHESES. Castanheira-Neiva. Paçô-Ancorense. Artur Rego-Molendense. Darquense.folga.
JÚNIORES AFV
Jornada 23
Resultados:
LANHESES, 3-Neves, 2
Classificação:
  1.Barroselas ........ 55 P
12.LANHESES .... 17 P
14.Moreira ...........   1 P
Próximo jogo:
LANHESES-Folga.
JUVENIS AFVC (Fase Final)
Jornada 3
Resultados
Barroselas, 1-P. Barca, 1. LANHESES, 2-Vianense, 1. V. Piães, 4-Paçô. 0.
Classificação:
                                 J   V   E  D   M   S     P
1.V. Piães ...............3   3     0  0    7    0    9
2.P. Barca .............. 3   1    2   0   9    6    5
3.Barroselas ........... 3   1    1   1   4    4    4
4.LANHESES ....... 3    1    1   1   7   8     4
5.Vianense ............  3    1    0   2   3   3     3
6. Paçô .................  3    0    0   3   1  10    0
Próxima jornada:
V. Piães-P. Barca. Vianense-Barroselas. Paçô-LANHESES.
INICIADOS AFVC
Jornada 24
Resultados:
Barroselas, 2-LANHESES, 0
Classificação
 1.Correlhã ....... 60 P
 3.LANHESES..45 P
15.Monção ......   4 P
Próxima jornada
LANHESES-Chafé (4º)
CAMPEONATO DE FUTEBOL DE SETE DA A.F.V.C.
INFANTIS B
Jornada 20
Resultados:
LANHESES, 2-Darquense, 7
Classificação
 1.Barroselas ........ 55 P
13.LANHESES....   5 P
14.Santa Marta .....  3 P
Próxima jornada:
Guilhadeses 6º)-LANHESES
ESCOLAS 1999A
Jornada 20
Resultados:
Vila Fria, 2-LANHESES, 2
Classificação:
 1.Vianense ........... 55 P
10.LANHESES..... 17 P
14.Torre ...............   0 P
Próxima jornada:
LANHESES.L. Sousa (3º)

Fonte: Jornal Alto Minho

CAMPANHA DO TELHADO DA IGREJA

          

Não constituiu motivo de grande surpresa a divulgação do montante apurado no almoço-convívio que decorreu no último domingo, dia 21, no pavilhão da Casa do Povo de Lanheses, com vista a angariar fundos para a substituição do telhado da Igreja da freguesia, como tenho vindo a divulgar.
            O apuramento das contas agora anunciado veio confirmar o que se antevia em função da adesão que a iniciativa suscitou na população lanhesense, a qual se traduziu no montante líquido de 4 256,24€. Tal valor só foi possível de atingir pelo facto de as despesas tidas com a aquisição dos bens a confeccionar não tivessem ido muito além de 600€, graças às muitas dádivas recolhidas na iniciativa das "Janeiras" e à disponibilidade dos gerentes dos talhos locais.
            Fica, assim, mais uma vez provada a generosa colaboração das pessoas de Lanheses, quando chamada a participar em causas que aceitam e compreendem sem reservas e as pessoas que as lideram lhes merecem toda a confiança.
          

MORDOMO DA CRUZ PARA 2011

            Foi hoje anunciado o MORDOMO DA CRUZ para o ano de 2011.
            Trata-se de MANUEL JOSÉ DE SOUSA PEREIRA, do lugar do Romão, actualmente ausente do país mas com regresso previsto para breve.
            Sucede no cargo a José Rocha Azevedo, domiciliado no mesmo lugar.
         

ELAS AÍ ESTÃO, AS ANDORINHAS!

            Finalmente, as andorinhas estão de volta! Bem cedinho, era vê-las afadigadas, dentro e fora dos ninhos onde, na Primavera passada, haviam nascido ou criado os filhos, fazendo um reconhecimento das condições de habitabilidade dos mesmos.
            Com o brilho do sol, as flores e as andorinhas completa-se a trilogia do ciclo da renovação anual da Primavera.
         

sábado, 27 de março de 2010

ESTA MADRUGADA HÁ MUDANÇA DE HORA!

Os relógios vão adiantar-se 60 minutos quando marcarem 01h00 neste domingo em Portugal Continental e na Madeira. Nos Açores, a mudança ocorre pelas 00h00, para que o país, tal como a comunidade europeia, entre na hora de verão.
Os relógios vão adiantar-se 60 minutos quando marcarem 01h00 neste domingo em Portugal Continental e na MadeiraAPROVEITE E MUDE, VOCÊ TAMBÉM, OS SEUS HÁBITOS. COMECE POR FAZER UMA BELA CAMINHADA.
                   AINDA SE LEMBRA DE VER NASCER O SOL?

ELEIÇÕES NO PSD

            PEDRO PASSOS COELHO É O NOVO PRESIDENTE DO PPD/PSD


«O país sabe que o PSD tem uma liderança inequívoca»            Em resultado das eleições que ontem decorreram, o novo presidente do partido social-democrata é PEDRO PASSOS COELHO, que obteve 61,1% dos votos do sufrágio.
            Em segundo lugar, com 31,5% de apoiantes, ficou PAULO RANGEL, o advogado do Porto, deputado europeu, seguido de JOSÉ PEDRO AGUIAR-BRANCO, economista, professor universitário e actual leader parlamentar do partido na Assembleia da República, com 3,6%. CASTANHEIRA BARROS, foi o quarto candidato na corrida, não obtendo todavia votos suficientes para ter expressão percentual.
 
Passos esmagador obtém garantia de união interna
           







sexta-feira, 26 de março de 2010

NOVA ACÇÃO DA CAMPANHA "UM DIA PELA VIDA"


         Um aspecto da assistência
 
 SIMULTANEAMENTE com a habitual cerimónia pascal que há anos a Escola EB, 2,3/S (agora agrupamento de escolas de Arga e Lima) vem promovendo nas suas instalações, inicialmente prevista, no ano corrente, para a vizinha freguesia de Fontão mas que haveria de ser anulada em virtude do actual estado do tempo, foi levada a cabo pela equipa de Lanheses envolvida na referida campanha, mais uma acção de divulgação e recolha de fundos destinados à investigação em que está envolvida a Liga Portuguesa Contra o Cancro.

 
                            Os alunos foram chamados a contribuir para a campanha com 5 cênt.

           A acção teve a participação de elementos da equipa concelhia, Isabel Alpoim e Albino  Ramalho, nomeadamente, bem com da Fátima Agra e Olívia Vale Moreira, responsáveis locais pela campanha bem como de outros colaboradores prestimosos e muito participativos.

                                     A passadeira que vai para o Guiness

          Num altar improvisado no recinto do átrio interno da Escola foi celebrada a missa pascal, a cargo do pároco da freguesia de Fontão e professor da Escola, Padre José Luís, na qual participaram um grande número de alunos, professores, funcionários  e todo o órgão directivo do estabelecimento de ensino a que preside, desde a criação da Escola, o Dr. Manuel Agostinho Sousa Gomes.

  






   O Director da Escola e o celebrante    

quarta-feira, 24 de março de 2010

CEGONHAS ESTÃO EM CASA

            ... E RECEBEM VISITAS!
 Com o casal em vias de concluir o ninho, uma cegonha e um bando de pombas esvoaçam, no intervalo azul do céu e as  núvens de algodão branco num bailado de harmonia e beleza natural.

terça-feira, 23 de março de 2010

DRAGÃO, SEMPRE!

 DUAS FACES, A MESMA CARA.

 (A PROPÓSITO DA CRIAÇÃO DO "DRAGÃO, SEMPRE!")

[32892.jpg]
        

      Entrei no mundo da blogosfera há cerca de cinco meses com o lançamento da página DOLETHES, tendo uma ideia muito incipiente sobre aquilo que poderia concretizar num mundo que, até àquele momento, me era quase totalmente desconhecido. À semelhança de alguém que se aventura sem guia numa floresta virgem e densa, e se tem consciência de que as surpresas podem ser mais que muitas e nem sempre agradáveis fui tacteando, quase às cegas, por entre o emaranhado dos difusos trilhos desbravados pela seta mágica do rato até que alguma luz se fizesse e me ajudasse a encontrar o caminho certo.  
               Tendo-me apercebido de que a conjugação da minha faceta desportiva e o arreigado fervor que nutro, desde a infância (não nasci dragão, fiz-me dragão...), pelo "meu" Futebol Clube do Porto, com a natureza mais generalista de outros assuntos tratados, como são os relacionados com a vida social da comunidade lanhesense e aos quais pretendo continuar a dar prioridade, poderiam causar algum incómodo e, quiçá, tornarem-se fastidiosos para os seguidores do "dolethes", decidi criar um espaço próprio onde pudesse dar largas ao que penso e sinto na defesa do meu idolatrado FCP  e do espectáculo do futebol em geral.
               Deste modo, continuarei a seguir a matriz do primeiro blog e a sua regularidade mantendo, inclusivamente, a secção a que venho a dar o título de "O FUTEBOL DA NOSSA TERRA", com a divulgação de todos os resultados e notícias relacionados com o União Desportiva de Lanheses, passando a usar este espaço exclusivamente para temas comuns do futebol em geral, mas, muito principalmente, os que entender aqui publicar relacionados com a vida do "antigo, mui nobre, sempre leal e invicto" clube da cidade onde "houve nome Portugal".
    

É URGENTE O AMOR.




É urgente o amor.
É urgente um barco no mar.

É urgente destruir certas palavras,
ódio, solidão e crueldade,
alguns lamentos,
muitas espadas.

É urgente inventar alegria,
multiplicar os beijos, as searas,
é urgente descobrir rosas e rios
e manhãs claras.

Cai o silêncio nos ombros e a luz
impura, até doer.
É urgente o amor, é urgente
permanecer
                    Eugénio de Andrade

segunda-feira, 22 de março de 2010

A CANÇÃO DO BANDIDO.

"Preço

Água custa ao Estado 500 milhões por ano

por LUÍS MANETA, ÉvoraHoje
Água custa  ao Estado 500 milhões por ano
Tarifas cobradas aos consumidores não reflectem custos com tratamento e distribuição, nem com os serviços que lhe estão associados, como o saneamento e a gestão de resíduos. Aumento é inevitável."
......................................................................................................................................................................

"O preço cobrado pelas tarifas de abastecimento de água e saneamento é fixado pelas diversas autarquias sem a existência de uniformização de critérios, conforme comprova um estudo publicado na revista Proteste em Novembro do ano passado. Assim, enquanto que em Penedono o custo anual para o consumo de 120 metros cúbicos é de 8 euros e em Cuba de 22 euros, em São João da Madeira e Paços de Ferreira a factura sobe para 168 e para 112 euros, respectivamente."
in DN, 2010.03.22.
.......................................................................................................................................................................
      VOLTA não volta, a questão do preço da água, lá vem à baila. Que é bem escasso, os custos do tratamento e abastecimento ao consumidor são cada dia mais caros e, se a situação não se alterar, é inevitável o aumento do custo do m3, ao consumidor.
       É a canção estafada do disco riscado a que os "administradores" e "gestores" (nomeados ou eleitos) recorrem facilmente, com a única finalidade de preparar a entrada no rentável negócio da água, o petróleo do futuro, na malha exploradora e voraz do sector privado. É assim no campo da energia eléctrica, no abastecimento do combustível, na rede rodoviária, para só falar de algumas das mais apetecíveis e interessantes "pechinchas" para os interesses privados.
       Entretanto, o cidadão contribuinte, interroga-se quanto ao destino que é dado aos impostos que lhe são cobrados, os quais, numa lógica de que é ao Estado que compete gerir as receitas que cobra, e o Estado somos todos nós, elas reverteriam em seu proveito.
       E, se actualmente, na fixação do preço da água ao consumidor há uma inacreditável disparidade de preços de município para município, incompreensível num país democrático onde as lei deveriam ser iguais, nos deveres e nos direitos, para todos os portugueses, não se esperem, no futuro, notícias boas.

FOTO SÍNTESE

domingo, 21 de março de 2010

CEGONHAS - IDÍLIO AO PÔR DO SOL

             PAPARAZZI...



ALMOÇO POR UM TELHADO.

                                  ALMOÇO PARTICIPADO, TELHADO ASSEGURADO. 




                                  MAIS de três centenas de participantes  responderam ao convite para um almoço-convívio com vista à angariação de meios que ajudem a custear as despesas com a colocação de um novo telhado na Igreja Paroquial da freguesia. 

                                 O evento teve lugar no Pavilhão da Casa do Povo de Lanheses, hoje, pelas 12,30 h  constando da ementa "um cozido à portuguesa", no qual foram utilizados algumas das ofertas em espécie recolhidas na anterior iniciativa das "Janeiras", bem como outros dos demais componentes do típico prato da dieta minhota oferecidos pelo comércio local, incluindo as tradicionais sobremesas caseiras oferecidas por diferentes famílias, que, nesta região do país, são tradicionalmente consumidas com aquela típica refeição nos lares minhotos.

                                A receita, que se estima próxima dos 3 000 € , vai engrossar significativamente o pecúlio já arrecadado, podendo falar-se num montante muito próximo dos 15 000€, o total dos fundos reunidos até agora.

                                Justo é realçar, que, quer a confecção da ementa levada a efeito numa cozinha improvisada no local , quer o serviço de mesa, foram assegurados por equipas de voluntários da freguesia, cujo desempenho foi, a todos os títulos, muito satisfatório.



                               Um conjunto típico constituído  por alguns componentes do rancho folclórico local, apresentou-se no recinto com acordeões e bombos, conferindo ao acontecimento um ambiente de festa e animação.



O FUTEBOL DA NOSSA TERRA





ONTEM, ESTÁDIO 15 DE AGOSTO - EM LANHESES - 15.00H

CAMPEONATO DISTRITAL DE JUVENIS - FASE FINAL

U. D. LANHESES, 2- S.CL.VIANENSE 1

QUE GRANDE JOGO

PARABÉNS MIÚDOS!!!
(Classificação e resultados desta prova: ver post anterior) 


CAMPEONATO DISTRITAL DA 1ª DIVISÃO DA A.F.V.CASTELO
Hoje, em Moreira (Monção):
                        Moreira, 1-LANHESES, 3
Com esta vitória, o UDL regressa ao primeiro lugar da classificação geral.
Jornada 30
Resultados
Grecudega, 1-Vila Franca, 3. Bertiandos, 2-Vit. Donas, 2. Águias de Souto, 4-Fachense, 0. Arcozelo, 2-V. Piães, 2. Moreira, 1-LANHESES, 3. Perre, 1-Neiva, 1. Torre, 0-Ancorense, 4. Castanheira, 2-Moledense, 1. Paçô, 0-Darquense, 0. Folga: Artur Rego.
      Moreira, 1-LANHESES, 3
Golos: 0-1, André; 1-1, Índio; 1-2, André e 1-3, Nuno.
Árbitro: Nelson Cunha.
UDL-Coutinho. Fábio Castro, Dario, Valter, Edgar, Sopas, André, (Jorginho, 78m), Fábio Costa (Nuino, 58m), Zé (Johnny, 58m) Bruno e Pedro Leite. Treinador: Álvaro Faria.
CLASSIFICAÇÃO
                                  J    V    E    D     M     S     P
 1.LANHESES ........28  23    3    2     32    20   72
 2.Ancorense............29  23    3    3     70    21   72
 3.Artur Rego ..........28  22    4    2     72    28   70
 4.Castanheira .........28  17    4    7     62    24   55
 5.Vila Franca .........28  16    6    6     57    38   54
 6.V. Piães .............28   12   12  4      62    35   48
 7.Arcozelo ............29   12     7  10    46    38   43
 8.Darquense .........29    11    7   11    46    35   40
 9.Perre .................28    10    9    9     40    39   39
10.Moledense ........29    11   4    14   50    58   37
11.Águias de Souto 29    10    7   12   44    60   37
12.Paçô ................29       9    7    12  33    39    34
13.Grecudega ....... 29      9    6     14  32    49   33
14.Bertiandos ........29      7    9     13   50   69   30
15.V. Donas ......... 28     7    5      16   33   26   22
16.Fachense ......... 28      6    2     20   37   70   20
17.Neiva .............. 29      5    4     20    33   76   19
18.Moreira ........... 28      3    7     18    28   62   16
19.Torre ............... 28      3    4     21    19   69   13
Próxima jornada:
Folga-Grecudega. Vila Franca-Bertiandos. V. Donas-Águias de Souto. Fachense-Arcozelo. V. Piães-Moreira. LANHESES-Perre. Neiva-Torre. Ancorense-Castanheira. Moledense-Paçô. Darquense-Artur  Rego.
JÚNIORES AFVC
Jornada 22
Resultados: Monção, 4-LANHESES, 0
Classificação:
 1.Vianense .............. 52 P
13.LANHESES ....... 14 P
14.Moreira ..............    1 P
Próxima jornada:
LANHESES-Neves (12º)
JUVENIS AFVC (FASE FINAL)
Barroselas, 1-P. da Barca, 1. LANHESES, 2-Vianense, 1. V. Piães, 4-Paçô, 0.
Classificação:
                            J   V    E    D    M    S    P
1.V. Piães .......... 3   3     0    0     7     0    9
2.P. Barca ......... 3   1     2    0     9     6    5
3.Barroselas ...... 3   1     1     1    4     4    4
4.LANHESES... 3   1     1     1    7     8     4
5.Vianense ........ 3   1     0     2    3     3     3
6.Paçô .............. 3   0     0     3    1    10    0
Próxima jornada:
V. Piães-P. da Barca. Vianense-Barroselas. Paçô-LANHESES
INICIADOS AFVC
Jornada 23
Resultados:
Folga-LANHESES
Classificação:
 1.Correlhã ........... 57 P
 3.LANHESES  ... 46 P
15.Monção ..........  4 P
Próxima jornada:
Barroselas (5º)-LANHESES
INFANTIS A
Resultados:
Folga: LANHESES
Classificação:
 1.Limianos ............ 42 P
11.LANHESES ..... 14 P
13.V. Piães.............  0 P
Próxima jornada:
Vila Fria (5º)-LANHESES
INFANTIS B
Jornada 19
Resultados:
Moreira, 7-LANHESES, 0
Classificação:
1.Barroselas ........... 52 P
13.LANHESES .....   5 P
14.Santa Marta ......   3 P
Próxima jornada:
LANHESES-Darquense (3º)
ESCOLAS 1999A
Jornada 19
Resultados:
Limianos, 3-LANHESES, 1.
Classificação:
 1.Vianense ...........  52 P
11.LANHESES ..... 16 P
14.Perre ................   0 P
Próxima jornada:
Vila Fria (13º)-LANHESES.
Fonte: Alto-Minho





sábado, 20 de março de 2010

PARA TODOS, NO DIA DA RENOVAÇÃO DA PRIMAVERA.


 Amigos

Amigos também são os que partilham boa poesia.

"Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes,
mas não esqueço de que a minha vida é a maior empresa do mundo.
E que posso evitar que ela vá a falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os
desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e
tornar-se um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar
um oásis no recôndito da sua alma .
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um 'não'.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo...

               Fernando Pessoa

FALTA PEDAGOGIA NAS SENTENÇAS JUDICIAIS.

 
    
CUIDADO: CICLISTAS BÊBADOS NA ESTRADA!



Noticiaram há dias os jornais que, ali para os lados de Cantanhede, um castiço cidadão, desempregado, estivera na pândega com uns amigos a comer petiscos e a beber vinho tinto (nada mau para um desempregado...), fazendo-se mais tarde ao caminho para regressar a casa pedalando a sua bicicleta.

              Fosse por falta de perícia na condução do veículo, por insuficiência de visão ou pelos 3,32 gr./litro de álcool no sangue que o sopro no balão veio a acusar, o desastrado condutor "atropelou" uma viatura ligeira que, azar dos azares, havia logo de circular na mesma estrada das duas que ele vira antes de dar início à pedalada e pela qual optara, lastimavelmente convenhamos.
    A intransigência da condutora do automóvel ao não confiar na disponibilidade do culpado em assumir, logo ali, as despesas do acidente, levou o caso à barra dos tribunais tendo a sentença proferida pelo Meritíssimo juiz determinado uma multa pecuniária de 210 € e inibição de conduzir qualquer veículo pelo período de três meses, a cumprir pelo réu.
     Evidentemente que não questiono a justeza da douta decisão que o caso requeria, quiçá, algo benevolente face à gravidade do dolo. Apenas me permito formular uma pequena alteração no que concerne à impossibilidade, temporária embora, do recurso à utilização da bicicleta pelo infractor: porque, estando o cidadão desocupado e não impedido de voltar à taberna, melhor seria tivesse sido determinada a obrigação de, diariamente, ter ele de cumprir OITO HORAS, de BTT, e, dentro daquele período, consumir CINCO LITROS DE ÁGUA da torneira!
  
       Talvez resultasse!
       Talvez.
      
  
   
           

TÁXI! TÁXI!

A praça de táxis do Largo Capitão Gaspar de Castro (Benemérito) comporta duas unidades. É o que consta da placa colocada no local reservado àquele serviço de transporte de passageiros e corresponde ao número legalmente autorizado.
Era suposto que, nos intervalos da actividade normal do serviço que prestam, ali permanecessem os dois carros simultaneamente, pelo menos de quando em vez, já que era demasiada coincidência estarem os dois veículos, sempre ao mesmo tempo, fora. Mas não é assim, já que, há já muitos meses, talvez anos, apenas por ali se vê  um táxi e, mesmo esse, provavelmente por ser muito requisitado, ali estaciona por curtíssimos períodos.
O que se passa? Desistiu o concessionário da exploração? Não é o serviço suficientemente rentável ou terá o detentor da licença encontrado melhor alternativa fora de Lanheses?
A realidade é que, na prática, só existe em Lanheses um único táxi a exercer o serviço.

CEGONHAS VÃO AJUDAR NA CAMPANHA.



As "nossas" cegonhas vão entrar na campanha "UM DIA PELA VIDA" em curso  nesta  na freguesia,  integrada no movimento nacional promovido pelo Núcleo Regional do Norte da Liga Portuguesa Contra  Cancro.
Como? É uma surpresa para revelar oportunamente. Esteja atento!



sexta-feira, 19 de março de 2010

RODODENDRO "GOLDEN GATE" SECULAR, EM LANHESES

(Em actualização)         
Um arbusto de porte raro para a espécie, em avançado estado de decrepitude, resiste ao tempo e continua a florescer, sob as copas frondosas de duas imponentes magnólias, no jardim da Casa do Paço, da família dos Condes de Almada, ao Largo Capitão Gaspar de Castro (Benemérito), em Lanheses.
                     Em cima: parte superior do arbusto gigante


           O vetusto Rhododrendon (RODODENDRO) (que se assemelha a um enorme "bonsai") pertencente à família das ericáceas, e é uma planta original da China, sendo ainda bastante comum noutros locais, como o Himalaia, Nepal, Japão e América do Norte, onde aparece na forma de  variadas espécies.




Em baixo: folhas e flores do Rododendro
                                                                               
           Sendo uma planta que, no seu normal desenvolvimento pode chegar aos 60-70 cm, (raramente atinge três metros de altura), os ramos desta que aqui divulgamos terá os seus galhos a cerca de dez metros do solo. O tronco, com um diâmetro de 1,27 m, tem dois braços que se abrem, um na horizontal para o lado norte e, outro, obliquamente para sul, alongando-se por cerca de 7 metros cada um, cresce ainda mais cerca de 1,2m, bifurcando-se em dois ramos abertos no mesmo sentido dos anteriores, sendo que um se encontra rachado.

           Os dois primeiros braços apresentam nas extremidades a folhagem permanente própria, brilhante e alongada, no meio da qual desabrocham as suas lindíssimas flores de cor rosa (deep pink).Os ramos mais altos aparentam estar já mortos ou em vias de secar, apesar da existência de pequenos rebentos com folhas confirmem que a seiva ainda circula no seu seio.

           A curiosidade maior deste arbusto reside, não apenas no seu tamanho descomunal para a espécie mas, principalmente, na sua longevidade, quiçá de alguns séculos (penso ter a curto prazo uma informação mais concreta sobre este aspecto, já que os dados que até agora recolhi não são suficientemente pormenorizados e de fonte segura). No seu tronco e ramos são claros os sinais de avançada decrepitude, notando-se várias fracturas e fendas nos seus ramos, indícios óbvios de muitos anos de vida mesmo para os olhos de qualquer leigo na matéria, como eu sou. A resposta para tão longa existência poderá estar relacionada com as condições ambientais do local e características do solo, onde a planta encontrou a protecção e sustento que lhe permitiram sobreviver a alterações de temperaturas e temporais ao longo de tantos anos.


O jardim da Casa do Paço é um espaço privado mas a simpatia e disponibilidade dos seus actuais proprietários permite obter fácil acesso ao recinto, onde existem outras árvores frondosas e muito antigas.
Refira-se que, bem perto deste ancestral arbusto, está implantado o velho pelourinho, símbolo da freguesia de Lanheses, bem menos idoso mas não de menor valor.